quinta-feira, 26 de maio de 2011

Vagas Sigilosas





Muitas pessoas têm medo de escuro.
Outras têm medo de fantasmas.
Eu tenho medo de várias coisas, uma delas é da tal vaga de emprego sigilosa. Seja sigilo da empresa, seja sigilo da vaga/função. Não sei qual é pior. Ah, sim! Pior é quando os dois ao mesmo tempo são sigilosos.

Eu já tive o azar de concorrer cinco vezes à essa modalidade empregatícia obscura.
Eu tenho várias teorias não fundamentadas sobre essa modalidade.

Uma delas é que a empresa é tão ruim, tem uma fama tão depreciativa que se ela se identificar no jornal, no site, na agência recrutadora ninguém vai querer concorrer. Onde moro existem pelo menos três empresas desse naipe. As pessoas só aceitam emprego nelas como última escolha. E olhe lá.

Outra teoria é que a empresa se acha. Talvez essa seja a teoria mais fraquinha. Mas mesmo assim ela ainda é válida e ainda não foi contestada.

Outra teoria, e essa é mais aceita pelos meus amigos, é que a empresa pretende demitir alguém que exerce certo cargo/função importante e não podem ficar sem uma pessoa nesse cargo. Contudo a empresa não têm a ombridade de chegar nessa pessoa e demiti-la para aí sim contratar outra pessoa. A empresa quer ter a certeza de ter alguém antes de demitir esse funcionário. Aí apela-se para vagas sigilosas. Confesso que nunca mandei currículo para vagas assim quando estas apareciam no jornal. Eram mais ou menos assim:
"VAGA SIGILOSA
Empresa de grande porte conceituada no ramo contrata pessoa com formação e experiência na área administrativa para trabalhar no setor comercial. Interessados enviar currículo com foto para recruta008@hotmail.com"


Eu tinha/tenho medo dessas vagas. Vai saber se é empresa mesmo. Sei lá né, tem maluco pra tudo nesse mundo. OU vai que eu mando currículo para a empresa e cargo para qual trabalho? rsss. Já pensou? Seria hilário. kkkkkkkkkkkkkkkkk

Das cinco vagas misteriosas a que fui na entrevista duas delas eram para cargos nos quais as pessoas neles seriam demitidas assim que alguém fosse contratado ou assim que alguém tivesse coragem para demiti-las.
Uma dessas entrevistas ocorreu num escritório de advocacia a pedido do dono da empresa. E quem fez a entrevista foi uma amiga do dono da empresa. Olha só: Havia uma web cam filmando tudo. E o dono da empresa estava do outro lado assistindo tudo. Super sinistro. Meio filme americano. Aquela advogada com um papel em mãos com perguntas, ela lia e me fazia as perguntas. Muito simpática. Aquele escritório de advocacia encarpetado, aquela imagem da Justiça, aquela estante enorme cheia de livros. Coitada. ela também era uma cobaia.

Outra dessas entrevistas ocorreu numa agência recrutadora. Fui selecionada para a vaga a princípio pela psicóloga da agência. Cheguei lá e ela simplesmente disse: "Selecionamos seu currículo para uma vaga numa empresa no setor X. Por enquanto não podemos dizer o nome da empresa. É para trabalhar no setor de faturamento." Me passou o horário de trabalho e o salário inicial. E disse que se meu currículo passasse na avaliação eles me ligariam de volta. Bem, ninguém ligou. E não fiquei sabendo para qual empresa era.

Um amigo também participou de uma entrevista sigilosa. A entrevista seria após o horário comercial Sinistro. Seria às 18h30 num escritório comercial. Ele foi até lá levando currículo e demais documentos. Havia uma psicóloga no local que fez uma breve entrevista, fez algumas anotações no próprio currículo e disse que a vaga a princípio era sigilosa a pedido do dono da empresa. Ele não entendeu nada, perguntou se a empresa era da cidade, só isso. A tal psicóloga disse que não poderia responder. Enfim. Ele também não passou no teste pois não ligaram para ele de volta.

Mas uma coisa é certa.
Vaga sigilosa não é sinônimo de vaga boa, de empresa boa, de salário bom. Não, não.
E geralmente é sinônimo de encrenca.
Porque se a empresa é grande ou tenta ser organizada provavelmente tem Dpto. Pessoal e/ou RH então por quê é o próprio dono ou outra pessoa que está fazendo essa seleção????
Ou, por quê fazem tanta questão de sigilo?

Fique ligado!
Provavelmente você ocupará o lugar de algum queridinho do depto. pessoal e/ou RH. Grandes chances dessa pessoa ser parente.
Ou ser parente/amigo de qualquer outra pessoa (de conceito) dentro da empresa.
Ou mesmo ocupar o lugar do próprio Depto Pessoal e/ou RH.
Tenso!
E se essa pessoa for querida na empresa você, pelo menos a princípio, será odiado.

No mais se você não tem medo de enviar seu currículo para essas vagas de jornais e revistas tenha pelo menos a inteligência de retirar seus dados pessoais como endereço e números de documentos. Afinal existe louco pra tudo. 

E se você foi contratado para uma vaga sigilosa e não foi nada disso que escrevi aqui deixe seu depoimento. Assim saberemos que alguém  lê esse blog e que as coisas que falo não têm sentido. rss 




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário